Escravidão profissional - Conselho de Jetro - Instituto Jetro

carregando...
Home > Conselho de Jetro > Escravidão profissional

Conselho de Jetro


Escravidão profissional

Escravidão Profissional

A escravidão profissional manifesta-se de diversas formas, desde a preocupação com dívidas até a dedicação excessiva ao trabalho. Talvez ela possa ser melhor definida como "qualquer coisa que interfira em seu relacionamento com Deus ou com sua família e que esteja em desacordo com a Palavra de Deus". Jesus Cristo foi bastante específico quando disse: "Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se de um e amar ao outro ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas"(Lucas 16.13). Se servirmos ao trabalho, não podemos servir a Deus. A triste verdade é que jamais encontrei um profissional bem-sucedido que em seu leito de morte tenha dito: "Queria ter passado mais tempo no trabalho para ganhar mais um pouco de dinheiro" Escravidão, seja qual for, é caracterizada pela falta de equilíbrio. O excesso de qualquer coisa (até das boas) pode destruir sua vida. Larry Burkett em Negócios à luz da Bíblia.

 
Leia também:   
Bezerros de ouro
Um tempo!
Que sua ambição seja boa!