Rodolfo Garcia Montosa - Autor - Instituto Jetro

carregando...
Home > Autores > Rodolfo Garcia Montosa

Rodolfo Garcia Montosa

Rodolfo Garcia Montosa

Graduado em Administração de Empresas pela FGV-SP e Teologia pela FTSA, pós-graduado em Administração Financeira pela FGV-SP e MBA Executivo pela USP- SP.

É diretor e fundador do Instituto Jetro. Foi colunista da Revista Igreja e da Revista Saber e Fé. Fez parte dos Conselhos da Editora Mundo Cristão, e atualmente faz parte da Missão Portas Abertas e da Fundação Eduardo Carlos Pereira.

Pastor titular da Primeira Igreja Presbiteriana Independente de Londrina e empresário no setor de serviços, sendo diretor presidente da BR Consórcios, empresa que administra diversas marcas de Consórcios no Brasil.


Veja os artigos de Rodolfo Garcia Montosa

  • Hoje é tempo de construir um legado

    Reflexão

    Muitos se lembram de Davi como o pequeno pastor que derrotou um gigante chamado Golias. Outros, como sábio governante judeu que uniu as tribos de Israel em uma única nação. De uma ou de outra forma, Davi deixou amplo legado que merece ser destacado.

  • Hoje é tempo de acertar as finanças

    Finanças e Contabilidade

    A humanidade tem vivido um total desequilíbrio na vida financeira. Alguns, acumulam demais. Outros, endividam-se demais. Muitos consomem tudo o que ganham. De um lado pessoas mesquinhas, de outro gastões desvairados. Todos loucos de alguma forma.

  • Hoje é tempo de valorizar a família

    Reflexão

    O salmista descreve a pintura de um quadro desejável: um marido temente e obediente a Deus, responsável em seu trabalho, desfrutando do melhor que a vida pode oferecer com sua esposa, filhos, netos.

  • Celebrando uma igreja sensível

    Liderança Pastoral

    Paulo está na cidade de Mileto, conversando com os líderes da igreja em Éfeso. Ele estava com pressa a caminho de Jerusalém. Sua urgência o faz dar orientações muito diretas para com o necessitado e aponta para as marcas de uma igreja sensível.

  • Eu sou livre

    Reflexão

    Foi em Jesus Cristo que a obra completa de libertação se deu: "Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres".Duas perguntas precisam ser respondidas: Do que sou livre através da obra de Cristo? e Para que sou livre?

  • Samuel, o filho consagrado

    Liderança Pastoral

    A consagração nasceu quando ainda não tinha seu filho, Samuel. Quando estava em meio ao choro e amargura. Assim também acontece muitas vezes conosco: quando nada temos e há algo que profundamente desejamos, tudo prometemos.

  • Davi, o guerreiro da família

    Liderança Pastoral

    Toda família enfrenta grandes batalhas, razão pela qual toda família precisa de guerreiros. Assim como Davi, somos ungidos em Cristo como guerreiros de nossa família. Temos um inimigo já vencido por Jesus na cruz que devemos resistir sem covardia.

  • Amigo de verdade

    Reflexão

    A melhor notícia é que Jesus tem nos chamado de amigos. Portanto, vamos nos achegar a ele, não importa a hora, nem a necessidade, mas com confiança, em oração, com ações de graças. Afinal, ele é nosso amigo de verdade!

  • Pedro, o sanguíneo

    Gestão de Pessoas

    O sanguíneo tem o sangue quente. As falhas de Pedro estavam justamente no calor do seu coração. Deus não está tão interessado em mudar as circunstâncias, como em transformar as pessoas. Pedro teve em Jesus um amigo que o exortou com assertividade.

  • A alegria da oração respondida

    Reflexão

    A Trindade está envolvida na oração. Pedindo ao Pai, em nome do Filho, na direção do Espírito nos levará a orações respondidas. E orações respondidas trazem alegria completa e contagiante.

  • Boaz, o restaurador da família

    Reflexão

    O coração de Boaz foi cheio de compaixão pela moça pobre e sua sogra que precisavam de auxílio, muito mais Jesus moveu-se por íntima compaixao pelo seu povo. Boaz pagou o resgate com seus recursos, muito mais fez Jesus, pagou com seu próprio sangue.

  • Ungidos pelo Senhor

    Liderança Pastoral

    Muitos afastam-se dos caminhos do Senhor.O pecado entra e perverte. Mas, quando vem o clamor profundo e verdadeiro, Deus novamente levanta pessoas cheias do seu Espírito para trazer libertação.

  • A unção de Sansão

    Liderança Pastoral

    Sansão realizou sete feitos memoráveis na história, viveu pelo menos sete incoerências gritantes. Suas sete tranças cortadas simbolizavam quem ele era aos olhos de Deus.Recebeu o poder do Espírito para ser movido pelo amor, mas desperdiçou seu chamado.

  • Palavra de Ânimo ao desamparado

    Reflexão

    Podemos passar por momentos em nossas vidas quando nos sentimos desamparados. Sentimo-nos abandonados, largados, afastados, deixados de lado. Por outro lado, essa sensação pode ter nascido do desamparo da Justiça, da Igreja ou de outra instituição.

  • Palavra de Ânimo ao Tímido

    Reflexão

    Três fases de 40 anos cada marcam a vida de Moisés e podem marcar a nossa também.Às vezes,achamos que podemos todas as coisas.Outras vezes, pensamos não poder nada. Mas, ao invés de olhar para nossas próprias forças ou fracassos, devemos olhar para Deus.<

  • Palavra de Ânimo ao Ansioso- 2

    Reflexão

    É preciso compreender algumas verdades que a Palavra de Deus nos ensina para vencermos a ansiedade. Preciso saber que não sou só eu que tenho esta luta. Preciso saber que Deus se importa e que há uma poderosa estratégia para vencê-la.

  • Palavra de Ânimo ao Ansioso

    Reflexão

    A ansiedade é uma preocupação descontrolada com aquilo que poderá vir a acontecer no futuro. É um sentimento perturbador que, além de não resolver o problema do amanhã, rouba-nos a força para enfrentarmos o hoje.

  • Contando os nossos dias

    Liderança Pastoral

    Muito além de calcular, contar significa narrar, descrever, relatar. Contar os nossos dias significa narrar a nossa história, descrever seus episódios e relatar as circunstâncias que nos cercam. Mais importante que o fato é a interpretação que damos dele.

  • A gestão das finanças da Igreja

    Entrevistas

    Quais são os maiores desafios para o planejamento orçamentário da igreja? Como otimizar recursos? Quais são as maiores dificuldades na gestão de recursos financeiros da igreja?

  • Um ano mais feliz

    Reflexão

    Por que é mais feliz quem dá? Para um ano mais feliz, precisamos aprender esse princípio do reino de Deus. É preciso saber dar. Dar de maneira que a pessoa que recebe não se sinta ferida na sua dignidade. Dar sem cobrar algo em troca.


Página 6 de 12 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 « anterior | próxima »