Orgulhe-se do lugar onde você vive - Reflexão - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Reflexão > Orgulhe-se do lugar onde você vive

Orgulhe-se do lugar onde você vive


Publicado em 02.09.2014

"Se você quer pertencer a uma comunidade, tem que fazer parte dela de verdade e apoiá-la, ou então ela vai estagnar e morrer. Na vida é assim, ou melhora ou piora, nada fica parado". Gilclér Regina

O escritor Richard Templar em uma de suas viagens disse: "Fui à Islândia - um país fabuloso e muito cordial; foi uma viagem bastante educativa e divertida". Continuou: "Uma coisa que percebi lá foi à maneira como eles falam de projetos cívicos".

Tomei um táxi disse ele e continuando: "... ficamos retidos por causa de uma obra numa rodovia. Perguntei ao motorista o motivo da obra, porque a pista estava sendo rebaixada?". E este respondeu: "Estamos modificando a rodovia porque ela fica muito ruim no inverno".
Diz o escritor: "Quando retornei à Inglaterra, fiz uma pergunta semelhante a um motorista de taxi a respeito de uma obra perto do aeroporto".

Ao que este respondeu: "Não sei cara. Não faço ideia do que eles estão fazendo, mas sempre abrem buracos nessas drogas de estradas". Na Islândia, eles usam "NÓS". Nós estamos fazendo isso. Na Inglaterra usam "ELES". Eles estão fazendo isso. Honestamente falando, isso me lembrou um pouco o Brasil nas questões cívicas e públicas. Aqui sempre reclamamos de tudo e de todos.

Usamos "nós"?

A maneira como falamos de "nós mesmos" indica como nos sentimos com relação á comunidade. Na Islândia, o conceito de identidade, de fazer parte de uma comunidade é muito forte e eles usam "nós". Para dar apoio à nossa comunidade, talvez devamos mostrar mais interesse por ela, descobrir o que está sendo feito, participar de alguma forma, parar de reclamar, tentar dar mais de si para modificar as coisas.


É o mesmo que acontece quando um pequeno armazém do bairro fecha as portas. Todos se queixam e dizem que isso é péssimo - e então continuam fazendo suas compras no supermercado do centro cidade. Não estou sugerindo que você se candidate a vereador nem que participe dos comitês de partidos. Mas você pode dar seu apoio simplesmente comparecendo às reuniões do seu bairro, demonstrando interesse e ficando a par do que está acontecendo.

E você não precisa viver numa cidade pequena para saber o que está acontecendo. A maioria das grandes cidades é formada na verdade por um conjunto de bairros, cada qual com sua identidade, características e limites claramente definidos. Caso sua comunidade, seu bairro ou sua cidade estejam fazendo algo com que você não concorda, somente se manifestando você será capaz de mudar as coisas. E não estou falando de "sentar-se à mesa de um bar" e ficar reclamando. Tem que se envolver de alguma maneira para fazer a diferença.
Pense nisso, um forte abraço e esteja com Deus!

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site www.institutojetro.com e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com

Leia Também:
Engajar as pessoas
Trabalhar com paixão
Confiança: a base de todo relacionamento

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/reflexao/orgulhese-do-lugar-onde-voce-vive.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: Orgulhe-se do lugar onde você vive
Autor: Gilclér Regina

Mais Lidos

carregando...

Comentários