O que tenho aprendido (mais uma vez) plantando uma igreja - Liderança Pastoral - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Liderança Pastoral > O que tenho aprendido (mais uma vez) plantando uma igreja

O que tenho aprendido (mais uma vez) plantando uma igreja


Publicado em 29.09.2015

Há quatro anos estou à frente da plantação de uma nova igreja em minha cidade, o local onde Deus me colocou para ser sal da terra e luz do mundo. Conquanto eu seja filho de um evangelista e tenha acompanhado meu pai em vários campos missionários pelo Brasil, a experiência desses últimos anos tem me ensinado bastante. Resolvi, então, enumerar algumas lições aprendidas.

1) É preciso estar disposto a andar, se quiser ser dirigido por Deus.

2) Não há como plantar uma igreja apenas abrindo a Bíblia aos domingos e pregando a alguns. O pregador aos domingos também terá de varrer o chão, limpar os banheiros, carregar o som, desmontá-lo ao final das reuniões e fazer várias outras atividades, se quiser ser bem sucedido.

3) Enfrente os problemas de frente, com serenidade, mas com firmeza. O diabo não resiste à luz, pois sua ação é sempre no escuro, sorrateiramente, por baixo dos panos. Jogue luz sobre os problemas e o inimigo fugirá.

4) Ao tomarem conhecimento do projeto, praticamente todos aqueles que dizem que vão apoiar o seu trabalho nada farão por você. Mesmo assim, continue. Jamais desanime; faça sol ou faça chuva pregue a Palavra. Você é um pregador.

5) Distribua tarefas, perca o controle. O Espírito Santo é quem controla sua igreja. Não dá pra estar em todo lugar e em todas as reuniões o tempo todo. Lance as diretrizes e confie em sua equipe.

6) Não se importe com o "Não" que receberá muitas vezes. O "Não" também é direção do Senhor. Vá em frente e bata em outras portas.

7) É preciso apropriar-se de sua vocação solitária (a vocação pastoral passa pelo viés da solidão), pois sozinho será o primeiro a chegar e - na maior parte das vezes - o último a sair, após apagar as luzes, quando todos já foram para suas casas.

8) O inesperado sempre acontece, pois Deus envia ajuda de onde menos se espera... e as coisas caminham de acordo com a vontade Dele. Muita gente boa, enviada por Deus, estará ao seu lado.

9) É preciso estar disposto a se reunir em qualquer lugar, na certeza de que em qualquer lugar o Senhor ali estará ao lado de sua igreja. Nesses anos nossa igreja se reuniu, entre outros lugares, também em uma casa de festas, cujo auditório havia sido decorado para um casamento gay que havia sido realizado no dia anterior. Também nos reunimos muitas vezes numa boate da mesma casa de festas.

10) Não acredite nas redes sociais. As pessoas não vão à igreja porque a encontram no Facebook, Twitter ou Instagram. As pessoas vão à igreja porque foram abordadas por outras pessoas. Só então, por curiosidade, verificam nas redes sociais se a igreja está lá.

11) Mantenha um relacionamento constante com a cidade e não perca uma única oportunidade de deixar o cartão da igreja com alguém. Lembre-se: ninguém vai ligar pra você, com exceção de alguns pouquíssimos.

12) Não tenha medo do novo, por mais inusitado que pareça. O essencial é manter a velha mensagem da cruz. A roupa em que essa mensagem será apresentada tem que ser moderna e nova, para atingir a sociedade que não para de se modernizar e de se reinventar.

13) Pastoreie sua pequena igreja na certeza de que não é o número de pessoas que fará dela um sucesso, é a graça de Deus. Ele é o maior interessado no crescimento de Seu rebanho.

14) Algumas pessoas são talhadas por Deus para enfrentar os momentos iniciais de uma plantação de igreja, outras só chegam numa segunda fase, após consolidado o trabalho.

15) Cuidado com os parasitas. Em todo o tempo o joio estará sendo plantado pelo inimigo nos campos do Senhor. Esteja atento.

16) Dê atenção a todos, ligue para os que têm vocação para se desgarrarem, mande uma mensagem aos faltosos, pastoreie e gaste tempo com as ovelhas.

17) Saiba que Deus envia muita gente boa pra fazer parte de Sua igreja. Dia após dia Ele conduz os seus filhos para se juntarem ao rebanho. O pastoreio é Dele. Não perca a esperança.

18) Seja amigo de todos os que quiserem ser seu amigo.

Artigo publicado originalmente em samuelcostablog.blogspot.com.br.
Para reprodução, entrar em contato com o autor pelo blog.

Leia Também:
O velho pastor e o jovem pastor
Honrando os que vieram antes de nós
Em seus passos o que Jesus jamais faria

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/lideranca-pastoral/o-que-tenho-aprendido-mais-uma-vez-plantando-uma-igreja.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: O que tenho aprendido (mais uma vez) plantando uma igreja
Autor: Samuel Costa

Mais Lidos

carregando...

Comentários