Pequenos hábitos, grandes resultados - Administração Geral - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Administração Geral > Pequenos hábitos, grandes resultados

Pequenos hábitos, grandes resultados


Publicado em 21.03.2008

Não há como falar de um hábito e não falar de atitude. Assim como não dá para abordar atitude sem mencionar competências. Isto porque um dos grandes desafios de todas as organizações na atualidade é encontrar pessoas que apresentem as competências requeridas para determinadas funções. Luiz Roberto Mello, consultor do Grupo MVC, afirma que "o grande desafio encontra-se nas competências atitudinais". Segundo Mello, transmitir conhecimento e habilidades torna-se algo relativamente simples se comparado à necessidade de mudança de atitude.

Mas, o que entendemos por atitude?

Entre as várias definições apresentadas pelo Michaelis encontramos: "1 Postura. 2 Norma de proceder ou ponto de vista, em certas conjunturas. 4 Tendência a responder, de forma positiva ou negativa, a pessoas, objetos ou situações. 5 Tendência de agir de uma maneira coerente com referência a certo objeto." Atitude é então uma forma, um modo, uma maneira de se comportar. Uma atitude pode ser uma resposta positiva ou negativa e geralmente ela se repete e por isso pode se tornar um hábito.

Mude de atitude

Uma coisa é certa e já está se tornando cansativa de tanto ser abordada: vivemos em um ambiente que requer, demanda mudança de atitude. E como isso pode ocorrer? Será que é possível mudar uma atitude, um hábito já consolidado, algo já incorporado ao nosso comportamento nas organizações? SIM, com todas as letras maiúsculas. William James disse que: "A maior descoberta da minha geração é que qualquer ser humano pode mudar de vida, mudando de atitude". Que notícia boa. A mudança que a nossa organização precisa deve começar em nós e pode ser algo bem mais fácil de ser alcançado do que parece.

Como mudar de atitude? Sugiro identificar o que deixa você descontente no seu ministério. Sugiro um "descontentamento santo". Uma insatisfação. Olhe para a situação e pense na sua atitude atual e na sua atitude desejada. O que pode ser modificado? Que novo hábito pode ser incorporado? Que pequena mudança eu posso fazer hoje mesmo? Não esqueça que criamos hábitos a partir de nossas atitudes.

Novas atitudes

Para ajudar você nesta caminhada quero oferecer pequenos exemplos de novas atitudes que podem ser incorporadas ao seu dia-a-dia e com elas você pode obter mais qualidade e eficiência. Coincidentemente elas têm a sua origem em palavras americanas já incorporadas à rotina das grandes organizações.

Pratique o feedback

Esta palavra é normalmente utilizada pelo RH para significar aquele tipo de procedimento em que a chefia se encontra com o chefiado para dar um retorno sobre o andamento do trabalho. Não é sobre este tipo de feedback que eu quero falar. Quero sugerir que você incorpore o hábito de dar retorno para as solicitações que recebe. Para todas as solicitações. Seja um retorno positivo ou negativo. Exemplo: seu liderado pede um livro emprestado e ao chegar em casa você se lembra que já emprestou para outra pessoa. Dê retorno, dê um feedback. Por e-mail, telefone, recado. Avise que não poderá emprestar e dê o motivo. Outro exemplo: seu pastor pede que você visite determinado irmão, mas naquela semana você teve que viajar a trabalho. Avise, retorne, dê feedback. Depois, ao voltar da viagem, dê feedback novamente após a visita. Diga como foi, o que ocorreu, se o pastor precisa de mais alguma ajuda para este irmão. Não deixe os assuntos pendentes, flutuando, sem finalização, sem fechamento. Seja conhecido pelo hábito de dar feedback.

Abuse do checklist

Esta prática já é tão comum em países como os Estados Unidos que faz parte da rotina de ações tão simples como a de fazer uma mala. Um checklist nada mais é do que uma lista de itens que devem ser verificados ou realizados em relação a um determinado assunto. Você é responsável pela abertura do acampamento de determinado ministério e sempre acaba esquecendo algo para trás? Isto ocorre porque você ainda não preparou um checklist para o acampamento. Você pode pensar neste recurso para as mais diversas situações: checklist do culto, checklist da diaconia, checklist de compras, checklist de segurança para fechar a igreja, checklist de viagem missionária, enfim, a lista não tem fim. Chega de esquecimentos. Chega de surpresas. Dê um basta no improviso e no stress. Prepare checklists e pare de desperdiçar o seu tempo.

Incorpore o double check

Esta é uma atitude que tem tanto a ver com qualidade que virou tema de campanha da Volkswagen. Vamos usar o próprio checklist para explorar melhor esta atitude. Você está se preparando para ir para o acampamento. Já montou um checklist e acabou de separar tudo o que vai precisar em uma grande caixa. Está tranqüilo porque pensou em tudo com antecedência, listou e checou item por item. Fim da estória? Não! Cheque novamente, pratique o double check. Isto nada mais é do que verificar duplamente, ou checar novamente se não esqueceu de nada, mesmo. Na sua cabeça passa a idéia de perda de tempo? Excesso de zelo? Pense no tempo que irá perder se tiver que dirigir os 50 km que lhe separam do acampamento para ir até a igreja buscar os microfones. Se você já checou tudo uma vez, a segunda vez vai ser bem mais rápida. Creia, você vai se sentir bem mais seguro se colocar isto em prática.

Escolha uma das sugestões acima e mude de atitude hoje mesmo. Se ainda não está convencido de que algo tão simples pode otimizar o seu dia-a-dia, faça uma experiência. Estabeleça um prazo de validade para o seu novo hábito e aguarde. Seus liderados vão sentir a diferença.

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site www.institutojetro.com e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com

Leia Também:
Mudando de Atitude
A verdade que produz mudança
Executar o planejado. Eis o desafio

  

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/administracao-geral/pequenos-habitos-grandes-resultados.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: Pequenos hábitos, grandes resultados
Autor: Adriana Pasello

Mais Lidos

carregando...

Comentários